AME E NÃO SE OCUPE DO PECADO!

Uma mulher invade a casa onde Jesus está. Entra e beija-lhe os pés, molha-os com lágrimas e os enxuga com seus próprios cabelos.

O dono da casa julgava a mulher e julgava a Jesus. A mulher por ser uma “pecadora” da cidade e Jesus por aceitar o amor dela.

Jesus, porém, disse que aquela mulher amara muito, por isto, seus pecados estavam perdoados, pois aquele que muito ama, a esse tal muito se perdoa.

Sim! Pois o verdadeiro amor faz absolvição de tudo e todos.

Não somente cobre multidão de pecados dos outros, pois, perdoa sempre; mas, também, recebe absolvição de pecados, pois, quando se erra em razão de ignorância, porém, amando…; o amor sara diante de Deus e dos homens o erro daquele que, amando, estava equivocado; pelo menos assim será ante os olhos e sentidos dos que, pelo tempo, continuarem a ver a jornada do ser que ama.

Os pecados dos que erram amando são perdoados sempre; até porque ninguém que de fato ame usará o amor como pretexto para o pecado.

Além disso, quem ama não planeja o erro e nem tampouco age errado tendo o passado de amor como álibi para o erro deliberado de agora.

O amor no máximo se equivoca, mas não delibera o pecado.

Entretanto, o amor não mata nunca, não ofende conscientemente jamais, e não intenta armadilha sob qualquer hipótese.

Portanto, se você diz que é capaz de matar por amor, de ofender por amor e de armar cenários irreais por amor — saiba: não é amor que existe em você.

É que quase ninguém mais sabe o que é amor; exceto, talvez, por filhos ainda se saiba alguma coisa…

O amor não diz “é meu” quando o objeto do amor anda em outra direção.

O amor não diz não pode para um objeto de amor adulto, quando o tal amado mostrar que sua deliberação seja outra.

O amor não obriga ninguém a ficar…

O amor não engana o próximo…

O amor não sabe manipular…

O amor não fica triste quando o sucesso do objeto do amor não passa pelo ser que ama.

O amor conhece o zelo, mas não sabe conviver com o ciúme; pois, em havendo ciúmes, o amor sempre sabe que não é o seu poder que está sendo exercido.

O amor somente aceita amor que seja amor como troca.

O amor sabe que seu maior falsificador é paixão e suas passionalidades.

Desse modo, o verdadeiro discípulo, sabe que não há nenhuma Lei sobre ele como detalhamento de comportamento, posto que o amor seja o cumprimento da Lei de Deus, só que motivada pelo amor.

Portanto, mudando o paradigma imposto por milênios de Religião, deixe de perguntar “o que eu posso?” — e apenas pergunte: “O que estou sentindo, fazendo e propondo passa pelo crivo do seja amor?”

Agora leia Gálatas cinco, todo o capitulo, e, ao ler, tenha em mente o que amor seja; pois, agora, eu sei que você entenderá o caminho do discípulo de Jesus conforme proposto por Paulo no texto que peço a você que leia.

 Nele, que nos chama não para as regras, mas para a Lei do Amor.

 

Grande Caio Fábio.

Anúncios

3 Respostas to “AME E NÃO SE OCUPE DO PECADO!”

  1. Andréa Meirelles Says:

    Que texto lindo e tocante, realmente o verdadeiro amor é aquele que nos constrange e nos sensibiliza quando vemos o nosso próximo em alguma dificuldade…saiba que pelo que eu conheço vc, embora não pessoalmente (ainda…rss);posso sentir que é esse amor verdadeiro que transborda em seu coração, um amor que se compadece com o sofrimento alheio e que não se torna insensível com toda podridão e miséria espiritual que vivemos nos dias atuais.
    Vc Dan é um coração de ouro, verdadeira jóia… algo raro de se encontrar é por isso que eu nunca quero perder todo amor e carinho que recebo de vc.
    bjos e que Deus continue derramando do seu amor sobre a sua vida e que ao transbordar desse amor muitas vidas sejam transformadas por ele.
    AMO VC MUINTÃO
    sua mãe carioca.

  2. Que bonitas palavras dAn!
    Como já dizia o poeta, “Amemos, porque amar é um santo escudo”.
    Um grande Beijo! Fica com Deus sempre!

  3. Caio Fabio, super INCRIVEL ele né??
    Ameeeeei demaaais ler isso!
    como eu sempre digo, AMOR É UM MOVIMENTO!
    um movimento que precisa ser intenso!
    TE AMOOOO dAn

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: